3 dias pelo Centro de Portugal

Meu pai veio para Portugal por 3 semanas e seu único final de semana fora da quarentena foi celebrado com uma viagem para visitar um amigo em Figueira da Foz e também Óbidos, Buddha Eden e o Dino Parque. O roteiro que fizemos desde nossa casa em Cascais então ficou o seguinte:

Agora vamos aos detalhes! 🙂

Dia 1 – sábado (14/08/2021)

Saímos de Cascais perto das 10h e chegamos em Figueira da Foz pouco antes da reserva de 13h30 que tínhamos no restaurante Mensa. O amigo de meu pai reservou uma mesa neste restaurante sem saber que iríamos ficar hospedados justamente no hotel onde ele está, o Malibu Foz Hotel. Coincidência retada, né? Sentamos em uma mesa do lado de fora do restaurante e ficamos com a vista da piscina, que por sinal é super agradável. O menu deixou um pouco a desejar, mas ele disse que o restaurante costuma fazer um menu diferente para finais de semana de verão, então acho que valha mais a pena ir em outros dias.

Ficamos algumas horas colocando o papo em dia e vendo o Patrick se divertir na piscina, e quando começou a ficar tarde, fomos fazer o check-in. (Sim, deixamos ele ir pra piscina antes do check-in…oops!)

Como eu e Celo não tínhamos completado os 14 dias de 2 doses de vacina, fizemos os testes rápidos que havíamos comprado no mercado e quando os negativos apareceram, seguimos para os nossos quartos. Meu pai apresentou o certificado digital de vacinação do Brasil e aceitaram numa boa.

Agora vamos ao que interessa: O hotel é uma graça! Eu amei absolutamente tudo na decoração da saguão e dos quartos, que são modernos, clean, com vários brindes no banheiro e bem espaçosos. Tïnhamos uma cama extra para o Paddy e nem pedimos berço pra Jubs, pois ela iria dormir no moisés do carrinho. Achei interessante como eles colocaram os preços de tudo que estava no quarto caso nós decidíssemos levar para casa ou quebrássemos, imagino eu.

Esperando para entrar nos quartos…

Nosso quarto

Deixamos as nossas coisas no quarto e fomos aproveitar o restinho do dia na piscina. Achei sensacional que metade dela é muito rasa (tipo 50 cm) e perfeita para os baixinhos e a outra metade é boa para adultos. Patrick ficou no paraíso correndo de um lado para o outro e brincando na cachoeira e quase não sentiu frio 🙂

Depois nos arrumamos e fomos dar uma volta de carro com os amigos do meu pai. Eles nos mostraram a cidade de dentro do carro mesmo (afinal os 2 pacotinhos capotaram no percurso) e terminamos a noite jantando uma pizza gostosa na casa deles. Um dia feliz!

Dia 2 – domingo (15/08/2021)

Pagamos para tomar um café da manhã nota 10 no hotel e fizemos o check out sem problemas. Deixamos as nossas coisas no carro e ficamos na piscina aproveitando o sol até cansarmos. Aproveitamos o bar que tem do restaurante e pedimos sanduíches, cervejas, sucos e depois só nos arrumamos nos banheiros do lado de fora do restaurante e pegamos estrada rumo ao Buddha Eden.

Chegamos ao famoso jardim depois de 1h e nos deparamos com um estacionamento enorme praticamente lotado e um sol de lascar… deu até uma desanimada. Na hora de comprar os bilhetes, a moça nos disse que eles fechariam em 1h30 (e não 3h, como dizia o site), então teríamos que correr um pouco para ver tudo já que no ritmo normal levaríamos umas 2-3 horas. Como estávamos com um bebê no carrinho e um toddler caminhando, achamos melhor voltar no dia seguinte.

Seguimos então para a nossa hospedagem que ficava bem pertinho do jardim, o Vale do Grou Natura. A estrada até ela é cheia de pereiras e macieiras e a casa é bem espaçosa e aconchegante, com um jardim bem fofo na entrada. Ela é gerida por um casal de idosos muito simpático, que nos recebeu super bem e nos indicou um lugar para jantarmos sem ser turístico.

Deixamos as nossas coisas nos quartos, tomamos banho e saímos então para conhecer Óbidos, já que Dad ainda não conhecia essa vila fofa. Foi um passeio rápido, porque já eram quase 19h e tínhamos reservado mesa no restaurante indicado para 20h30, mas foi bem legal. Paramos o carro no estacionamento fora da cidade e andamos pela rua principal até o castelo, passando pela Livraria do Mercado e subindo um pouco para a muralha para ver a vista. Celo e Dad tomaram a famosa Ginja de Óbidos e passeamos mais um pouco até a entrada da cidade. Aqui vão algumas fotos, mas eu vou escrever depois um post mais completo sobre Óbidos juntando nossas dicas de lá:

Em seguida dirigimos para o restaurante indicado pelo dono da nossa hospedagem, O Pão, que fica na vila de Bombarral. É bem simples e muitooooo demorado, mas a comida estava deliciosa, super caseira, sabe? O feijão que pedimos para o Patrick estava bem temperadinho e até me lembrou dos feijões de restaurantes brasileiros, mas confirmamos que a cozinheira era portuguesa…rs.

Ah, meu cel ficou sem bateria e não tenho fotos.

Dormimos como pedras depois!

Dia 3 – segunda – feira (16/08/2021)

Tomamos um café da manhã bem gostoso com tudo que escolhemos no checkin, mas infelizmente por causa das regras da DGS, eles fizeram slots de 30-45 minutos para cada família comer e não lotar o espaço do café. Achei muito corrido, principalmente porque Patrick conversa muito enquanto come, então é algo que eles podem melhorar.

Fizemos o checkout e fomos direto para o Bacalhôa Buddha Eden, chegando lá perto das 10h. O estacionamento estava bem mais vazio que no dia anterior e nem pegamos fila para comprar os bilhetes (5 euros por pessoa, Paddy pagando também). Vou deixar algumas fotos aqui, mas esse lugar é tão incrível que merece um post separado que vou publicar em breve!

Depois de 3h de passeio, saímos do jardim exaustos e dirigimos por cerca de 30 min até o Dino Parque:

Almoçamos por lá e depois andamos por ele todinho com os pirralhos e com os avós de Cascais, que dirigiram até lá para nos encontrar. Eu vou fazer um post separado também sobre esse parque, mas já adianto que saí de lá decepcionada. Pelo preço que pagamos, eu imaginava outra coisa, com muito mais interação, mas mesmo sendo um parque basicamente de esculturas, valeu a pena visitar pelo pequeno empolgado.

Saímos do parque no final do dia mortinhos com farofa e fomos direto para casa em Cascais. É claro que mais da metade dos passageiros do carro foi dormindo né…

Este foi o nosso final de semana prolongado em família. Lembranças deliciosas com meu pai… já fico pensando na próxima. 🙂

____________ //____________

Saiba mais sobre nossas outras viagens por PORTUGAL aqui.

Quer nos ajudar a manter o blog atualizado ? Use os links abaixo! Você não pagará mais por isso e nós receberemos uma comissão pela indicação.

Thanks! 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: