1 dia em Melk

Terça-feira (23/12/2014)

Agendamos nosso tour da Abadia de Melk quando ainda estávamos em Dublin, porque esta é a instrução no site deles, principalmente se você for no inverno e tiver interesse pelo tour em inglês e não em alemão. A visita custou 12 euros por pessoa, começou às 14h e como chegamos na cidade em cima da hora, vindos de Hallstat (veja mais detalhes aqui), deixamos as nossas mochilas nos lockers da estação de trem e fomos correndo para lá.

A cidade e a abadia de Melk, sede original da dinastia Babenberg, ficam entre Viena e Salzburgo, na margem esquerda do rio Danúbio. No século XI, Leopoldo II convidou os beneditinos da abadia de Lambach para se instalarem em Melk e deu aos religiosos terra e um castelo, que os monges transformaram em uma abadia fortificada. Ela foi quase completamente destruída por um incêndio em 1297, teve que ser reerguida várias vezes e no século XVI, resistiu aos ataques turcos.

A abadia  é nos deixou boquiabertos… Quando você chega na cidade e olha para ela no topo da cidade, não tem como não ficar impressionado com o seu tamanho e beleza, e depois quando está lá dentro, é uma surra de beleza com a igreja, biblioteca e vista da cidade. Ouso a dizer que são as igreja e biblioteca mais bonitas que já vi até hoje (Jan/2015). Como não pode tirar foto da biblioteca, peguei uma do Google mesmo para você se encantar também.

Foto retirada de: https://www.pinterest.cl/pin/144678206748873820/

Saímos de lá rumo à estação de trem para buscar nossas mochilas e procurarmos nosso hotel, o Madar Café Restaurant zum Fürsten (66 euros a diária, com café da manhã). Ele fica no centro da cidade, em uma rua somente para pedestres que parece ser a mais movimentada de lá (como não tinha muita gente andando, não consigo afirmar com certeza). A cidade é muito pequena, calma e tem uma arquitetura fofa. Nosso hotel, apesar de ser bem avaliado no Booking, era bem estranho. Não tem recepção, então fomos na cafeteria que fica embaixo dele e para nossa surpresa, o garçom nos entregou a chave e nos mostrou o caminho para os quartos, que fica na lateral do prédio em uma porta meio escondida. Não gostamos muito da aparência do hall e nem do quarto, que tinha um pouco de cheiro de cigarro, mas foi só uma noite, felizmente.

Saímos para jantar na melhor pizzaria da cidade, segundo o TripAdvisor, a Pasta e Pizza, que para estava vazia quando chegamos e depois ficou cheia em plena terça-feira. A comida estava gostosa, assim como as cervejas austríacas, mas não lembro os nomes. O melhor de tudo foram os preços… Comemos duas pizzas e bebemos 2 litros (!!!) de cerveja por 25 euros. Bom, né?

Quarta-feira (24/12/2014) – Véspera de Natal

O café da manhã estava incluído na diária e adivinha onde tomamos? Lá mesmo, na cafeteria que fica embaixo do hotel Acho que deve ser tudo do mesmo dono. Comemos relativamente bem e depois pegamos nosso trem para Viena (31 euros para nós dois) e em menos de uma hora, estávamos lá. Saiba o que fizemos na capital austríaca aqui. 

Não sei se vale a pena dormir em Melk, como fizemos, mas com certeza vale a pena uma parada para ver a abadia. Fica entre Salzburgo e Viena e você só vai demorar algumas horas no tour…

____________ //____________

Para saber mais sobre essa viagem que fizemos, veja os posts abaixo:

Quer nos ajudar a manter o blog atualizado ? Use os links abaixo! Você não pagará mais por isso e nós receberemos uma comissão pela indicação.

Thanks! ❤

9 comentários em “1 dia em Melk

Adicione o seu

  1. Ola muito bom seu blog valeu pra minha viagem, vou pra Viena final de dezembro sera que eu consigo fazer um bate e volta a Melk e para Wachau , num so dia sem ser de escurção , vejo que vc foi no inverno, como faço pra encarar o frio sem muita sofrência..kk brigaduu

    1. Oi, Marlene! Que bom que gostou do blog 🙂

      Eu dei uma olhada aqui no Google Maps para saber como são os transportes para você ir por conta própria, mas Wachau me parece um pouco complicado. Melk dá para ir de trem tranquilamente…demora 1 hora o trajeto de ida e o mesmo pra volta. Talvez pra fazer os dois juntos só excursão mesmo. Já deu um olhada no site Viator? Eles são da empresa TripAdvisor e costumam oferecer passeios interessantes. Você pode tentar comprar também lá em Viena, nos centros de turismo.

      Sobre o inverno, só digo para ir preparada! rs É importante você ter um casaco próprio para a temperatura que vai pegar e também um sapato confortável e a prova de neve, porque é bem possível que vá pegar dias branquinhos por lá no final de dezembro. Gorro, luvas e calça e blusca térmicas serão muito bem vindos…rs. E claro, umas sentadinhas de vez em quando em cafeterias, né??

      Espero ter ajudado.
      Beijos e divirta-se!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: