Nesta mesma época no ano passado, nós passamos 9 dias nas regiões do Vale do Loire, Périgord, Quercy e Bordeaux (veja mais detalhes aqui), todas na França. Gostamos tanto da nossa roadtrip, que decidimos fazer parecido esse ano, mas passando pelas regiões de Borgonha, Alsácia, Lorena e Champanhe. Como Luxemburgo estava perto da rota, acabou sendo incluído também. 🙂

O roteiro “grosso” (com apenas as principais cidades marcadas) ficou assim:

roteiro grosso

Aqui vão os detalhes mastigadinhos:

PASSAGEM AÉREA

Compramos pela Ryanair os trechos Dublin – Beauvais e Beauvais – Dublin para nós 2 por 247.96 euros, com apenas bagagem de mão. Saímos sábado, dia 02/07, bem cedinho (6h25) e voltamos domingo, dia 10/07, bem tarde (22h25) e assim conseguimos economizar nas diárias. Achei a passagem cara, principalmente porque esse trajeto costuma ter promoções, mas como a data era especial – 6 anos de namoro ❤ – , não tinha muito como fugir, né?

 ALUGUEL DE CARRO

Sempre usamos o site da RentalCars para alugar nossos carros em viagens e dessa vez não foi diferente (use o nosso link para alugar carros, please!). A opção mais barata que apareceu para nós foi da empresa Budget e custou 229.11 euros com seguro total (sempre pegamos o total para não termos preocupações durante a viagem). Para nossa sorte, eles nos deram um upgrade lá na hora e acabamos ficando com um carrão (Juke da Nissan). Lindo, alto, confortável, mas não pareceu muito econômico não…rs.

PEDÁGIOS + COMBUSTÍVEL + ESTACIONAMENTOS

Eu adoro anotar todos os gastos da viagem para depois ter uma ideia do total gasto e poder comparar uma viagem com a outra. Esses gastos acabam sendo úteis para quem quer fazer um roteiro parecido, então vamos compartilhar, né? Para as 3 categorias acima, os gastos totais foram:

  • Pedágios: 59.80 euros
  • Combustível (Diesel): 136.01 euros (adoraria saber quanto seria se estivéssemos com o carro escolhido por nós – este valor foi para o carro grandão do upgrade.)
  • Estacionamentos nas cidades visitadas: 34.40 euros

HOSPEDAGEM

Reservamos todos os hoteis pelo Booking.com (reserve os seus pelo nosso link também!), sempre buscando por opções com notas acima de 8, preços até 80 euros (nosso limite), estacionamento, wifi gratuito e ar condicionado. Café da manhã não chegou a ser uma exigência para nós, porque adoramos passear nas padarias francesas. Já o ar condicionado pesou bastante – No verão do ano passado na França, nós morremos de calor nos hoteis sem ar condicionado, então fizemos questão de pegar quartos com ar dessa vez. Só um detalhe aqui: achei essas regiões mais frias que as regiões do ano passado e, portanto, dava para ter ficado sem ar. Olha a economia indo para o ralo aqui…rs.

Aqui está o resumo dos nossos hoteis (vou falar mais sobre cada um deles nos posts das cidades):

hoteis

Veja mais sobre os hoteis nos links abaixo:

CIDADES/ATRAÇÕES VISITADAS

Aqui vai uma lista com o resumo do que visitamos nesses 9 dias.

BORGONHA – Veja todos os detalhes no post 3 dias e meio na Borgonha.

  • SENS– a catedral é lindíssima e a cidade  é bem fofinha.
  • CHABLIS– região famosa pela produção de vinhos brancos deliciosos. Passamos na cave Chablisienne e provamos vários vinhos de graça (alguns bem caros) até comprarmos os nossos favoritos. Vale muito a pena!
  • VÉZELAY– a rua principal da vila sobe o morro e tem vários cafés, lojinhas e galerias de artistas. Ao final dela, a imponente Basilique Ste-Madeleine pede uma visita.
  • FONTENAY ABBEY – abadia do século XII com jardins lindos.
  • FLAVIGNY-SUR-OZERAIN – a vila do filme “Chocolate“. Medieval e bem pequena, o passeio valeu muito a pena. Foi como se estivéssemos no filme! Almoçamos no restaurante La Grange (dica de minha sogra), que tem pratos típicos feitos com produtos fresquinhos da região por preços bem camaradas.
  • CHATEAUNEUF-EN-AUXOIS – paramos nesta vila para visitar o castelo, mas o que mais chamou a nossa atenção foi a vista do mirante.
  • BEAUNE- o Hôtel-Dieu des Hospices de Beaune é incrível e vale cada centavo da visita. Passamos também na fábrica da mostarda dijon Edmond Fallot e provamos vários tipos de graça. Se eu fosse fã, ficaria horas lá. 🙂
  • MERSAULT, PULIGNY-MONTRACHET, POMMARD – vilas charmosas com vinhas ao redor delas e alguns restaurantes Michelin. Bem pacatas…
  • CHATEAU LES CLOS DE VOUGEOT – paramos nesse castelo do século XVI, que desde 1945 é a sede da Confrérie des Chevaliers du Tastevin.
  • DIJON – a Notre Dame é belíssima (não deixe de passar a mão na coruja para ter sorte) e a cidade é uma gracinha também. É só seguir o circuito da coruja (tem placas no chão) para visitar as principais atrações da cidade.

ALSÁCIA  – Veja todos os detalhes no post  2 dias e meio na Alsácia.

Região repleta de vilas floridas fofas, sendo que algumas são consideradas as mais bonitas da França. Serviram de inspiração para a vila do desenho A BELA E A FERA. ❤

  • EGUISHEIM – muito fofa e pequena, fica um pouco fora da rota Colmar – Estrasburgo.
  • COLMAR – cidade muito agradável, com muita estrutura para o turismo e ruas encantadoras, sendo algumas com canais. Nós escolhemos ela como base para rodarmos a Alsácia.
  • NIEDERMORSCHWIHR – esconderijo da chef Christine Ferberconhecida e respeitada pelas suas geleias de fabricação artesanal deliciosas. Vale a pena passar na lojinha!
  • KAYSERSBERG – passamos rapidinho nessa vila fofa só para tirar umas fotos com o canal e as casas coloridas.
  • RIQUEWIHR – a nossa vila favorita tem um pouco mais de estrutura para o turismo (restaurantes abertos o dia todo, finalmente!), mas ainda é muito agradável para passear.
  • RIBEAUVILLÉ – tem uma rua principal bem comprida e alguns castelos nos morros ao redor dela.
  • HUNAWIHR – tem ruas fofas, como todas as outas, e uma igreja do século XV bem destacada no topo do morro.
  • RODERN – paramos nesta vila para visitar a vinícola Koeberlé Kreyer, indicada pela minha sogra, mas a dona estava fora na hora que passamos e não conseguimos fazer o tour/degustação.
  • CHÂTEAU DE HAUT-KOENIGSBOURG – este castelo foi restaurado no século XX, mas já foi uma fortaleza no século XII. É uma das principais atrações da Alsácia e merece a visita. Ele é lindo, assim com a vista dele.
  • ESTRASBURGO –  maior cidade da região tem uma catedral gótica maravilhosa e pontes e bairros que merecem a visita. Muitos restaurantes, lojas e excursões enormes também.

LORENA – Veja todos os detalhes no post Uma manhã em Verdun

  • Paramos apenas na região de Verdun, que é famosa por umas das principais batalhas da 1ª Guerra Mundial. Visitamos o memorial que tem um museu incrível da guerra, o ossuário, o cemitério, os fortes e algumas trincheiras nas estradas. É bem interessante o passeio.

CHAMPANHE – Veja todos os detalhes no post 1 dia e meio em Champanhe

  • REIMS – A Catedral de Notre Dame é imperdível com seus vitrais lindíssimos e suas proporções perfeitas. Mais de 30 reis franceses foram coroados nela. Além da catedral, a Basílica de St-Remi é bem interessante também, mas o que mais nos marcou foi a visita à cave Taittinger. Os túneis subterrâneos medievais são impressionantes.
  • ÉPERNAY – Passamos rapidamente por essa cidade no último dia da viagem e valeu a pena porque a estrada é lindíssima com vinhas por todos os lados. As vistas das vinhas valem muito a pena…

LUXEMBURGO  – Veja todos os detalhes no post Uma tarde em Luxemburgo

  • Visitamos a capital do país apenas por algumas horas, mas elas foram suficientes para vermos as principais atrações: as casamatas, as diversas praças, o Palais Grand Ducal, a Catedral de Notre Dame e a varanda mais bonita do mundo – Corniche.

RESUMO DA VIAGEM EM FOTOS

 **********************************************************************

Quer ajudar o blog sem gastar nada por isso?:)

Nós ganhamos uma pequena comissão se você fizer reservas e compras pelos links abaixo:

Agradecemos de coração! ❤