Depois de 2 anos morando na Irlanda e viajando pra tudo que é canto desse continente, decidimos finalmente curtir uma praia na Europa. Que delícia é Portugal, gente… ❤

Alugamos um carro no aeroporto de Lisboa com a empresa Centauro (usamos sempre o site da RentalCars para achar as opções mais em conta) e passeamos sem pressa pelas regiões de Alentejo e Algarve. Quando chegamos em Lisboa no final da viagem, achamos melhor devolver o carro e usar taxi e transporte público. Ninguém merece se estressar com carro alugado em uma cidade grande, né?

Como viajamos com a mãe do Celo e tanto ela quanto ele já conheciam o país, fizemos um roteiro meio misturado com as partes mais turísticas do país e outras nem tanto. No final das contas, o roteiro ficou assim:

Resumo RoteiroPara ajudar na visualização, coloquei os pontos principais do roteiro no mapa abaixo (nós rodamos no sentido anti-horário):

Agora vamos ao resumo da viagem (que não é tão resumido assim, eu sei…rs):

PASSAGENS 

Apesar de sempre viajarmos com a RyanAir porque os preços são mais em conta, dessa vez a melhor opção foi com a Aer Lingus (vimos isso graças ao Google Flights). Saímos sábado cedinho de Dublin e voltamos domingo bem tarde da noite de Lisboa e pagamos 200 euros ida e volta para nós dois. Lembrando que isso foi o preço de alta temporada…bom demais!

ALUGUEL DE CARRO + PEDÁGIOS

Como já falei aí em cima, alugamos o carro na empresa Centauroaté então nova para a gente. Achei o atendimento excelente e o preço bem justo também para 6 diárias (sábado até sexta): 202.67 euros com seguro total. Pedimos para incluírem o Via Verde no nosso carro, pois li em alguns blogs que ter o passe rápido nos pedágios dava menos dor de cabeça. O custo dele por dia era de 1.80 euros, então achamos que valeu a pena. Nós cruzamos vários pedágios que não tinham cabine de pagamento, então acho que rola um perrenguezinho básico para pagar esses valores depois nos correios (só acho). Preferimos ter o aparelhinho no carro computando todos os nossos gastos para depois a Centauro cobrar do nosso cartão.

ESTACIONAMENTO + COMBUSTÍVEL

Para nossa felicidade, não vimos “flanelinhas” nas praias e cidades onde passamos. Nas praias nós paramos sempre de graça, mas nas cidades e vilas a gente precisou pagar pelas horas utilizadas naquelas maquininhas, sabe? Achamos um estacionamento coberto enorme bem no centrinho de Albufeira que foi um pouco caro (6 euros para umas 3 horas), mas os outros foram mais baratos que isso.

Para todo o trajeto que percorremos de carro (mapa acima com direito a todas as praias que visitamos no Algarve), nós gastamos 80 euros de diesel (by the way, não se esqueça de pedir para a locadora um carro a diesel para economizar). Muito bom rodar um país pequeno e ter a sensação de conhecer tanta coisa em alguns dias pagando tão pouco! 🙂

HOSPEDAGENS

  • Odeceixe: Ficamos hospedados em um apartamento de 2 quartos no último andar do Casa Morais (nota 8.8). Esta hospedagem é do tipo alojamento local, ou seja, pelo que entendi você fica hospedado na casa de alguém que mora no lugar. A dona da casa é senhorinha muito simpática chamada Dona Alzira, que além de ter altos papos, preparou um café da manhã delicioso com geléias e bolos feitos por ela. Um amor! Pagamos 76.50 euros na diária para nós 3 com café da manhã.
  • Albufeira: Escolhemos uma das opções com piscina mais baratas da cidade, mas acabamos nem aproveitando-a (não deu tempo!). O lugar foi o Água Viva (nota 8.3), que fica fora do centro histórico bem perto da Praia dos Aveiros (deliciosa). Ele é um prédio com vários apartamentos (quarto, mini cozinha e banheiro) e se você precisar de alguma coisa, tem que ir até o balcão do restaurante que fica no térreo para pedir. Tudo é da mesma dona, que por sinal é uma fofa, então é bem tranquilo. Não é ultra mega excelente não, mas achei justo pelo preço. Pagamos 60.75 na diária de cada quarto, sem café da manhã (compramos várias coisas no mercado e comemos dentro do quarto e na varanda também).
  • Évora: Este hotel foi o melhor da viagem e para a nossa surpresa o mais barato. Aeee! Ficamos no Moov Hotel Évora (nota 8.8), que fica dentro da parte histórica da cidade, tem estacionamento próprio, é completamente moderno e cool. Pagamos 49 euros na diária de cada quarto, sem café da manhã (aí optamos por pagar 5.95 para ter direito ao buffet bem bom). Recomendo!
  • Lisboa: Ficamos no Turim Saldanha (nota 8.6), que é bem moderno e está bem perto da estação de metrô Saldanha. Ele não está exatamente na região turística da cidade, mas de metrô ou de taxi ficou bem tranquilo (uma corrida de taxi do Cais do Sodré até lá deu menos de 10 euros à noite). O quarto era bem confortável, mas demos o azar de terem problemas com o aquecedor de água, então tivemos que esperar para tomar banho quente. Custou 90 euros a diária para cada quarto, sem café da manhã. Tomamos café da manhã em uma lanchonete em frente (o hotel cobra 15 euros por pessoa – um absurdo!)

(FOTOS E MAIS DETALHES ESTARÃO NOS POSTS ESPECÍFICOS)

COMIDAS E BEBIDAS

Não sei você, mas eu sou uma apaixonada por frutos do mar. ❤

Apesar de estar comendo cada vez menos carne vermelha em Dublin (é muito cara!) e de saber que em Portugal ela é barata, eu fiz questão de comer frutos do mar todos os dias. Acho que combina com verão, praia, calor, sei lá, rs.

Sempre pedíamos uma ou duas entradinhas, uma garrafa de vinho branco (às vezes mais), nossos pratos principais e quando sobrava espaço, sobremesas típicas. Comemos camarões, lulas, polvos, mexilhões, ameijoas (lambretas portuguesas!!!), sapateira (caranguejo português!!!) e peixes também (claro que muito bacalhau). A maioria dos pratos principais acompanhava batatas e saladas e eram bem grandinhos, então acho que algumas vezes daria para ter pedido 2 pratos para nós 3. A única refeição que foi diferente foi a da vinícola Herdade do Esporão, que foi simplesmente espetacular. Os detalhes estarão no post da região do Alentejo.

Nós adoramos os vinhos brancos e tintos que tomamos lá (Celo gostou das cervejas também). Fizemos questão de tomar apenas os portugueses e provamos alguns de Algarve, do Alentejo e claro, da região do Douro (a tia do Celo que é portuguesa disse que são realmente os melhores do país!). Alguns muito bons que lembro agora são o Cartuxa e os da vinícola Herdade do Esporão (olha ela de novo aqui!). Se lembrar de mais, adiciono depois.

As sobremesas são deliciosas também. A maioria leva ovos ou amêndoas, então caí matando…o famoso pastel de belém é bem gostoso, mas não sei se consigo comer mais de 2, não, porque ele é bem doce. Você tem que experimentar, hein! De preferência no lugar onde tudo começou (vou falar sobre isso no post de Lisboa).

REGIÕES / CIDADES / ATRAÇÕES

REGIÃO DO ALENTEJO – veja todos os detalhes neste post

  • A Praia do Pêgo é linda e tem um restaurante bem bacana de frente pro mar chamado Sal. É preciso reservar, porque ele fica bem cheio (descobrimos isso na prática). Nós acabamos aproveitando o bar que fica ao lado e também tem uma vista sensacional.
  • Almoçamos na vinícola Herdade do Esporão no final da viagem e afirmo que foi a melhor refeição da minha vida (talvez a mais cara também)! Pagamos 75 euros por pessoa para cerca de 10 pratos maravilhosos e vinhos diferentes acompanhando cada um deles. Foram 3 horas deliciosas, literalmente… Recomendo!
  • Antes de irmos para Évora, paramos em uma vila chamada Monsaraz, que é super fofa com ruelas e casas brancas com uma vista da região lindíssima! Évora também é uma graça e tem uma energia super agradável, tendo como principais atrações a Praça do Giraldo, a Catedral de Évora (Sé), a Capela dos Ossos e o Templo Romano. Visitamos todas elas.

REGIÃO DO ALGARVE – veja todos os detalhes neste post

  • A vila de Odeceixe é uma graça com suas casas branquinhas e natureza ao redor. A Praia de Odeceixe foi uma das que mais gostamos em toda a viagem, porque tem o encontro do mar com o rio e o visual é lindo demais.
  • A nossa segunda parada foi na Praia da Arrifana, porque queríamos almoçar no restaurante O Paulo. Não chegamos a tempo (não reservamos também), mas deu para dar uma passadinha e babar com os penhascos que estão ao redor. Coisa de louco! Vale a pena parar lá para ver (fotos abaixo).
  • Passamos em Alvor para visitar familiares queridos do Celo, mas só ficamos na casa deles, então nem sei dizer se a cidade é legal. Sorry.
  • Nos hospedamos em Albufeira em uma região que mais parece os Estados Unidos por causa da quantidade de resorts e condomínios (fora do centro histórico). Ficamos 3 dias na região passeando pelas praias e a nossa divisão ficou assim:
    • DIA 1 – Fomos para as praias perto de Portimão. Visitamos a Praia da Marinha (a minha favorita de todas que visitamos), a Praia do Buraco, Praia de Benagil, Prainha, Praia dos 3 irmãos e Praia do CarvoeiroAlmoçamos no restaurante Caniço, na Prainha, simplesmente maravilhoso (nós reservamos dessa vez). Provamos o caranguejo português (sapateira) e outras delícias. Recomendo!
    • DIA 2 – Fomos para as praias de Lagos. Fizemos um passeio de caiaque com a empresa Kayak Tours e deu para ver todas as praias de dentro do mar. Que delícia de passeio! O mais legal é que fazemos exercício na ida (acho que remamos por uma hora e meia), mas na volta uma lancha puxa todos os caiaques de volta, então dá para ficar apreciando a vista e relaxando. Custou 25 euros por pessoa e valeu muito a pena! As praias que visitamos foram: Praia da Batata, Praia dos Estudantes, Praia do Pinhão, Praia da Dona Ana, Praia do Camilo e Ponta da Piedade. A Praia da Dona Ana é a mais famosa porque ganhou um prêmio há alguns anos, mas eles conseguiram estragá-la quando aumentaram-na para atrair mais turistas. Por causa da areia escura que foi adicionada na praia da Dona Ana e dos muitos hoteis que deixaram construir nela, achei a Praia do Camilo a mais bonita de todas dessa região. Depois do passeio de caiaque, almoçamos no centrinho fofo de Lagos no restaurante O Pescador. Simples, mas com comida bem gostosa. As pataniscas de bacalhau estavam dos Deuses! Depois entramos na Igreja de Santo Antônio, que é considerada uma das joias de Algarve com seus azuleijos, madeiras e pinturas douradas. Muito linda mesmo (não pode tirar foto lá dentro).
    • DIA 3 – Fomos conhecer a praia do lado do nosso hotel –  Praia dos Aveiros – e adoramos! Ela é pequenina e bem familiar e para nossa surpresa só tinha portugueses (a gente foge dos turistas…sempre gostamos de estar com os locais). Andamos pelas pedras no canto esquerdo e conseguimos ver  Praia da Oura de longe, que é bem interessante também. Dirigimos depois até a Praia das Falésiasonde ficamos bastante tempo e depois de dar um pulinho rápido na Praia de São Rafael, fomos almoçar no centrinho de Albufeira (como eu adoro as cidades branquinhas…). Escolhemos o restaurante Cais Velho, que fica de frente para a praia e tinha ótimo atendimento e comidas gostosas. Nada como comer frutos do mar olhando para o mar…

LISBOA e CASCAIS

  • Deixamos para conhecer essas 2 cidades super agradáveis no final da viagem. Reservamos um dia para pegar o trem até Cascais e Belém (um bairro de Lisboa bem afastado do centro) e os outros dois dias para passearmos pelos bairros mais centrais de Lisboa.
  • Em Belém, fizemos questão de comer o famoso e original Pastel de Belém, que é feito com a mesma receita desde 1837. Visitamos o Mosteiro dos Jerónimos, a Torre de Belém (ambos lindíssimos!) e passeamos sem pressa às margens do rio Tejo.
  • Em Cascais, passeamos pelo centro histórico, andamos até o forte e jantamos ainda de dia em um restaurante delicioso de frente para o mar, o Esplanada Santa Marta, que tinha preços bem em conta para a vista oferecida. No final do dia, fomos até o Mercado da Vilaque é um achado nessa cidade e aproveitamos para comer e beber coisas típicas.
  • Em Lisboa, visitamos o Elevador de Santa Justa, o Castelo de São Jorge,  os bairros transadinhos de Alfama e Bairro Alto e também as várias praças do bairro da Baixa. Almoçamos um dia na Confeitaria Nacional (linda!) e fomos com uma tia portuguesa querida do Celo  para um lugar maravilhoso que eu recomendo demais: Time Out MarketEste mercado é enorme e tem muitos stands com comidas maravilhosas! Passamos algumas horas nos deliciando ali…

Para finalizar, algumas fotos da viagem. Já posso ter saudades? ❤

**********************************************************************

Para saber mais sobre a nossa viagem de 9 dias por Portugal, veja os links abaixo:

Quer ajudar o blog sem gastar nada por isso?:)

Nós ganhamos uma pequena comissão se você fizer reservas e compras pelos links abaixo:

Agradecemos de coração! ❤